Passagens de Ambrose Bierce

248 resultados
Frases, pensamentos e outras passagens de Ambrose Bierce para ler e compartilhar. Os melhores escritores est√£o em Poetris.

Cortesia: pedir desculpa a um indivíduo por estar no meio do caminho e ter sido alvejado por uma bala que ele disparou para acertar noutra pessoa. A forma mais aceitável de hipocrisia.

Batalha, n. Uma forma de desatar com os dentes um nó político que resiste à língua.

Insensível: dotado de grande força moral para enfrentar os problemas que acontecem aos outros.

Riso: uma convuls√£o interior, que produz uma distor√ß√£o da express√£o facial e que √© acompanhada por sons desarticulados. √Č contagioso e, embora intermitente, incur√°vel.

Curiosidade: uma qualidade repreens√≠vel do esp√≠rito feminino. O desejo de saber se uma mulher sofre da maldi√ß√£o da curiosidade constitui uma das paix√Ķes mais insaci√°veis da alma masculina.

Casa: um edifício oco, construído para ser habitado pelo homem, pela ratazana, pelo rato, pelo escaravelho, pela barata, pela mosca, pelo mosquito, pela pulga, pelo bacilo e pelo micróbio.

√Č bom n√£o ter sido revolucion√°rio quando jovem, pois isso garante que n√£o se ser√° um reacion√°rio quando velho.

Conservador: um estadista que gosta das coisas más que já existem; por oposição ao Liberal, que as quer substituir por outras.

J√ļri: um conjunto de pessoas designadas pelo tribunal para ajudar os advogados a evitar que a lei degenere e se transforme em justi√ßa.

Crítico: Pessoa que se vangloria de ser de satisfação difícil, porque ninguém lhe tenta agradar.

Ciumento: indevidamente preocupado com a preservação daquilo que só poderá ser perdido se não valer a pena ser mantido.

Casamento: uma cerimónia em que duas pessoas se comprometem a tornar-se uma, uma se compromete a tornar-se nada e nada se compromete a tornar-se suportável.