Passagens de Emily Dickinson

32 resultados
Frases, pensamentos e outras passagens de Emily Dickinson para ler e compartilhar. Os melhores escritores est√£o em Poetris.

A Dor Tem um Elemento de Vazio

A Dor – tem um Elemento de Vazio –
N√£o se consegue lembrar
De quando começou Рou se houve
Um tempo em que n√£o existiu –

N√£o tem Futuro – para l√° de si pr√≥pria –
O seu Infinito contém
O seu Passado – iluminado para aperceber
Novas √Čpocas – de Dor.

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

Morri pela Beleza

Morri pela Beleza – mas mal me tinha
Acomodado à Campa
Quando Alguém que morreu pela Verdade,
Da Casa do lado –

Perguntou baixinho “Por que morreste?”
“Pela Beleza”, respondi –
“E eu – pela Verdade – Ambas s√£o iguais –
E n√≥s tamb√©m, somos Irm√£os”, disse Ele –

E assim, como parentes pr√≥ximos, uma Noite –
Fal√°mos de uma Casa para outra –
At√© que o Musgo nos chegou aos l√°bios –
E cobriu – os nossos nomes –

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

O Êxito Parece a Mais Doce das Coisas

O êxito parece a mais doce das coisas
A quem nunca venceu na vida.
Ter a compreensão de um néctar
Exige a mais dolorosa necessidade.

De entre o purp√ļreo Ex√©rcito
Que hoje empunhou a Bandeira
Nenhum outro poder√° dar uma t√£o clara
Definição da Vitória

Como o vencido – agonizante –
Em cujo ouvido interdito
A distante √°ria triunfal
Ressoa nítida e pungente!

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

A esperança tem asas. Faz a alma voar. Canta a melodia mesmo sem saber a letra. E nunca desiste. Nunca.

A palavra morre no momento em que é proferida Рdizem alguns. Eu digo que ela começa a viver naquele momento.

Diz Toda a Verdade

Diz toda a Verdade mas di-la tendenciosamente –
O êxito está no Circuito
√Č demasiado brilhante para o nosso enfermo Prazer
A esplêndida surpresa da Verdade

Como o Rel√Ęmpago se torna mais f√°cil para as Crian√ßas
Com uma amável explicação
A Verdade deve ofuscar gradualmente
Ou cada homem ficar√° cego –

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

Os Instantes Superiores da Alma

Os instantes Superiores da Alma
Acontecem-lhe – na solid√£o –
Quando o amigo – e a ocasi√£o Terrena
Se retiram para muito longe –

Ou quando РEla Própria Рsubiu
A um plano t√£o alto
Para Reconhecer menos
Do que a sua Omnipot√™ncia –

Essa Abolição Mortal
√Č rara – mas t√£o bela
Como Aparição Рsujeita
A um Ar Absoluto –

Revelação da Eternidade
Aos seus favoritos – bem poucos –
A Gigantesca subst√Ęncia
Da Imortalidade

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

A Ausência Desincorpora

A Ausência desincorpora Рe assim faz a Morte
Escondendo os indivíduos da Terra
A Supersti√ß√£o ajuda, tal como o amor –
A Ternura diminui √† medida que a experimentamos –

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

O céu não nos usurpa nada Рmesmo aparentes furtos são compensados sutilmente por designos ocultos

Diante de um coração partido
Nenhum outro pode falar
Sem ter tido o grande privilégio
De igualmente ter sofrido.

Demasiada Loucura é o Mais Divino Juízo

Demasiada Loucura √© o mais divino Ju√≠zo –
Para um Olhar criterioso –
Demasiado Ju√≠zo – a mais severa Loucura –
√Č a Maioria que
Nisto, como em Tudo, prevalece –
Consente – e √©s s√£o –
Objecta – √©s perigoso de imediato –
E acorrentado –

Tradu√ß√£o de Nuno J√ļdice

A água se ensina pela sede; A terra, por oceanos navegados; O êxtase, pela aflição; A paz, pelos combates narrados; O amor, pela cinza da memória E, pela neve, os pássaros.