Passagens sobre Feminilidade

5 resultados
Frases sobre feminilidade, poemas sobre feminilidade e outras passagens sobre feminilidade para ler e compartilhar. Leia as melhores cita√ß√Ķes em Poetris.

A masculinidade s√≥ pode ser experimentada, alcan√ßada, reconhecida, e personificada em oposi√ß√£o √† feminilidade. Quando os homens colocam sexo, viol√™ncia, e morte como verdades er√≥ticas elementares, eles pretendem dizer isto ‚ÄĒ que sexo, ou foder, √© o ato que os possibilita experimentarem sua pr√≥pria realidade, ou identidade, ou masculinidade o mais concretamente; que viol√™ncia, ou sadismo, √© o meio pelo qual ele efetiva essa realidade, ou identidade, ou masculinidade; e que a morte, ou a nega√ß√£o, ou a inexist√™ncia, ou a contamina√ß√£o pela f√™mea √© o que eles arriscam cada vez que penetram no que eles imaginam ser o vazio do buraco da f√™mea.

O fato que todas n√≥s somos treinadas da inf√Ęncia em diante para sermos m√£es significa que n√≥s todas somos treinadas para devotar nossas vidas aos homens, quer eles sejam nossos filhos ou n√£o; que todas n√≥s somos treinadas a for√ßar outras mulheres a exemplificar a falta de qualidades que caracteriza a constru√ß√£o cultural da feminilidade.

Ode Marítima

Sozinho, no cais deserto, a esta manh√£ de Ver√£o,
Olho pro lado da barra, olho pro Indefinido,
Olho e contenta-me ver,
Pequeno, negro e claro, um paquete entrando.
Vem muito longe, nítido, clássico à sua maneira.
Deixa no ar distante atr√°s de si a orla v√£ do seu fumo.
Vem entrando, e a manh√£ entra com ele, e no rio,
Aqui, acolá, acorda a vida marítima,
Erguem-se velas, avançam rebocadores,
Surgem barcos pequenos de tr√°s dos navios que est√£o no porto.
H√° uma vaga brisa.
Mas a minh’alma est√° com o que vejo menos,
Com o paquete que entra,
Porque ele est√° com a Dist√Ęncia, com a Manh√£,
Com o sentido marítimo desta Hora,
Com a doçura dolorosa que sobe em mim como uma náusea,
Como um começar a enjoar, mas no espírito.

Olho de longe o paquete, com uma grande independência de alma,
E dentro de mim um volante começa a girar, lentamente,

Os paquetes que entram de manh√£ na barra
Trazem aos meus olhos consigo
O mistério alegre e triste de quem chega e parte.

Continue lendo…

Somente quando a masculinidade estiver morta ‚ÄĒ e ela perecer√° quando a feminilidade devastada n√£o mais sustent√°-la ‚ÄĒ somente ent√£o n√≥s saberemos o que √© sermos livres.

Tanto para o homem como para mulher existe campo espec√≠fico de atua√ß√£o. O homem se caracteriza por sua for√ßa dirigida para fora do lar e a mulher se caracteriza por sua percep√ß√£o delicada e atenciosa das coisas dentro do lar. As mulheres tamb√©m podem sair do √Ęmbito dom√©stico e atuar em √°reas externas, mas √© preciso que elas atuem de modo a unir as respectivas caracter√≠sticas femininas, como, por exemplo, ‚Äėser carinhosa, zelosa e atenta √†s pequenas coisas‚Äô, e tornar maior o seu efeito. Se as mulheres se masculinizarem, adotando as caracter√≠sticas do homem e destru√≠rem a eterna beleza da feminilidade criada pelos C√©u e Terra, causar√£o um preju√≠zo infinitamente grande para o Universo.