CitaçÔes de JĂșlio Dantas

56 resultados
Frases, pensamentos e outras citaçÔes de JĂșlio Dantas para ler e compartilhar. Os melhores escritores estĂŁo em Poetris.

NĂŁo hĂĄ como os imitadores para nos fazerem sentir o que existe de mau na obra de um escritor ilustre.

SĂŁo tĂŁo imensamente grandes, tĂŁo paradoxalmente violentos certos amores, que atingem a expressĂŁo terrĂ­vel do Ăłdio.

O Progresso Aumenta a Vida e a Morte

NĂŁo desconheço que a velhice constitui, em grande parte, um preconceito aritmĂ©tico, e que o nosso maior erro consiste em contar os anos que vivemos. Com efeito, tudo nos leva a supor que a Natureza dotou o homem (nĂŁo falo jĂĄ nas longevidades da BĂ­blia) de vida mĂ©dia mais longa do que aquela que as estatĂ­sticas demogrĂĄficas acusam, e que, se morremos antes do termo normal da existĂȘncia, Ă© porque sucumbimos, nĂŁo a «morte natural» (a «morte fisiolĂłgica», de Metchnickoff), mas a «morte violenta», que Ă© a morte por acção destrutiva dos germes patogĂ©nicos. Como quer que seja, porĂ©m, parece-me incontestĂĄvel que o homem envelhece antes do tempo e morre, em geral, quando ainda nĂŁo chegou a meio do caminho da vida.

SerĂĄ o engenho humano capaz de opĂŽr uma barreira Ă  marcha inexorĂĄvel da decrepitude? Talvez. O nosso organismo Ă© uma mĂĄquina; gasta-se, como todas as mĂĄquinas; e, por milagre da Natureza, ainda Ă© aquela que, funcionando permanentemente, consegue durar mais tempo. Contentemo-nos com a ideia de que o homem de hoje vive mais do que vivia na Antiguidade clĂĄssica e na Ă©poca medieval, mercĂȘ do progresso das tĂ©cnicas, do conforto moderno da existĂȘncia, da observação dos preceitos que a higiene,

Continue lendo…

A felicidade Ă© qualquer coisa que depende mais de nĂłs mesmos, do que das circunstĂąncias e das eventualidades da vida.

Como a nossa fragilidade o concebe e o pratica, o amor Ă© um sentimento essencialmente incĂłmodo. Mal dois olhares se trocam e duas mĂŁos se enlaçam, vem logo a tragĂ©dia das suspeitas, dos ciĂșmes, das zangas, das recriminaçÔes, estragar momentos que deviam ser os mais belos, os mais alegres, os mais despreocupados da vida.

A mulher que se beijou e não se teve, que se adivinhou e não se possuiu, transforma-se para nós numa obsessão, numa preocupação doentia.