Passagens de Samuel Johnson

110 resultados
Frases, pensamentos e outras passagens de Samuel Johnson para ler e compartilhar. Os melhores escritores estão em Poetris.

A maioria dos crimes podem ser cometidos muito polidamente: um homem pode seduzir a mulher do seu amigo polidamente; ele pode fazer batota num jogo de cartas polidamente.

Lê o que escreveste, e cada vez que encontrares um trecho que te pareça particularmente belo, rasura-o.

Se um homem não trava novos conhecimentos ao longo da vida, vai em breve sentir-se abandonado. Um homem, senhor, deve manter as suas amizades sob constantes cuidados.

Se um homem não faz novas amizades à medida que avança na vida, ficará logo sozinho. Um homem, senhor, deveria manter as suas amizades em contínuo restauro.

Ninguém se ocupa muito com o presente; as lembranças e as expectativas preenchem quase todos os nossos momentos.

Não há género algum de preguiça pela qual sejamos tão facilmente seduzidos como aquela que é dignificada pela aparência de ser um negócio.

Posses e Capacidade atrapalham a Felicidade

Foi observado em todas as épocas que as vantagens da natureza, ou da fortuna, contribuíram muito pouco para a promoção da felicidade; e que aqueles a quem o esplendor da sua classe social, ou a extensão das suas capacidades, colocou no topo da vida humana não deram muitas vezes ocasião justa de inveja por parte dos que olham para eles de uma condição mais baixa; quer seja que a aparente superioridade incite a grandes desígnios e os grandes desígnios corram naturalmente o risco de insucessos fatais; ou que o destino da humanidade seja a miséria, os infortúnios daqueles cuja eminência atraiu sobre eles a atenção universal foram mais cuidadosamente registados, porque, em geral, eram mais bem observados e foram, na realidade, mais conspícuos do que outros, mas não com maior frequência nem severidade.

Há encantos feitos só para serem admirados à distância. Não há espectáculo mais pobre que o da labareda.

Há poucas maneiras em que um homem possa ser mais inocentemente ocupado do que a arranjar dinheiro.