Frases sobre Alma de Clarice Lispector

23 resultados
Frases de alma de Clarice Lispector. As mais belas frases e mensagens de Clarice Lispector para ler e compartilhar.

Desculpem eu ser eu. Quero ficar só! grita a alma do tímido que só se liberta na solidão. Contraditoriamente quer o quente aconchego das pessoas.

Não sou pretensiosa. Escrevo para mim, para que eu sinta a minha alma falando e cantando, às vezes chorando.

E porque minha alma é tão ilimitada que já não é eu, e porque ela está tão além de mim- é que sempre sou remota a mim mesma, sou-me inalcançável como me é inalcançável um astro.

H√° pessoas que t√™m vergonha de viver: s√£o os t√≠midos, entre os quais me incluo. Desculpem, por exemplo, estar tomando lugar no espa√ßo. Desculpem eu ser eu. ¬ęQuero ficar s√≥!¬Ľ grita a alma do t√≠mido que s√≥ se liberta na solid√£o. Contraditoriamente quer o quente aconchego das pessoas.

Eu também queria escrever, e seriam duas ou três linhas, sobre quando uma dor física passa. De como o corpo agradecido, ainda arfando, vê a que ponto a alma é também corpo.

Serei forte como a alma de um animal e quando eu falar ser√£o palavras n√£o pensadas e lentas. O que eu disser soar√° fatal e inteiro.

Minha alma humana √© a √ļnica forma poss√≠vel de eu n√£o me chocar desastrosamente com a minha organiza√ß√£o f√≠sica, t√£o m√°quina perfeita esta √©. Minha alma humana √©, ali√°s, tamb√©m o √ļnico modo como me √© dado aceitar sem desatino a alma geral do mundo. A engrenagem n√£o pode nem por um segundo falhar.

Sou o abismo perdido entre o não-ser e a escuridão. Sou o desejo e alma, correndo nua na meia-noite esquecida, procurando aquilo que não é, mas pode vir a ser; o verdadeiro anseio, a paixão.

Escrevo porque encontro nisso um prazer que n√£o consigo traduzir. N√£o sou pretensiosa. Escrevo para mim, para que eu sinta a minha alma falando e cantando, √†s vezes chorando…

E receber o telefonema de um amigo, e a comunicação de vozes e alma ser perfeita? Quando se desliga: que prazer de os outros existirem e de a gente se encontrar nos outros. Eu me encontro nos outros.

Olhe, tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras. Sou irritável e firo facilmente. Também sou muito calmo e perdoo logo. Não esqueço nunca. Mas há poucas coisas de que eu me lembre.

Exactamente porque é tão forte em mim a vontade de me dar a algo ou alguém, é que me tornei bastante arisca: tenho medo de revelar o quanto preciso e de como sou pobre. Sou, sim. Muito pobre. Só tenho um corpo e uma alma. E preciso de mais do que isso. Quem sabe se comecei a escrever tão cedo na vida porque, escrevendo, pelo menos eu pertencia um pouco a mim mesma. O que é um fac-símile triste.

N√£o aguento muito tempo um sentimento porque passo a ter ang√ļstia e meu pensamento fica ocupado com o sentimento e eu me desenvencilho dele de qualquer jeito para ganhar de novo a minha liberdade de esp√≠rito. Sou livre para sentir. Quero ser livre para raciocinar. Aspiro a uma fus√£o de corpo e alma.

Desculpa, mas não entendo. Eu quero tudo e mais ainda. Amor tem que encher o coração, a casa, a alma. Pouco ou metades nunca me completaram.

As almas fracas como você são facilmente levadas a qualquer loucura com um olhar apenas por almas fortes como a minha.

E a doçura é tanta que faz insuportável cócega na alma. Viver é mágico e inteiramente inexplicável.

Às vezes no amor ilícito está toda a pureza do corpo e alma, não abençoado por um padre, mas abençoado pelo próprio amor.