Cita√ß√Ķes sobre Ate√≠smo

17 resultados
Frases sobre ate√≠smo, poemas sobre ate√≠smo e outras cita√ß√Ķes sobre ate√≠smo para ler e compartilhar. Leia as melhores cita√ß√Ķes em Poetris.

Sanhudo, Inexor√°vel Despotismo

Sanhudo, inexor√°vel Despotismo
Monstro que em pranto, em sangue a f√ļria cevas,
Que em mil quadros horríficos te enlevas,
Obra da Iniquidade e do Ateísmo:

Assanhas o danado Fanatismo,
Porque te escore o trono onde te enlevas;
Por que o sol da Verdade envolva em trevas
E sepulte a Raz√£o num denso abismo.

Da sagrada Virtude o colo pisas,
E aos satélites vis da prepotência
De crimes infernais o plano gizas,

Mas, apesar da bárbara insolência,
Reinas s√≥ no ext’rior, n√£o tiranizas
Do livre coração a independência.

A religião como fonte de consolação é um obstáculo à verdadeira fé; nesse sentido, o ateísmo é uma purificação.

Lida propriamente, a Bíblia é a força mais potente para o ateísmo jamais concebida

Um pouco de filosofia inclina a mente do homem para o ateísmo, mas profundidade em filosofia traz de volta as mentes das pessoas para a religião.

Religião e Superstição

√Č t√£o grande a fraqueza do g√©nero humano, tamanha a sua perversidade, que, sem d√ļvida, lhe vale mais estar subjugado por todas as supersti√ß√Ķes poss√≠veis – desde que n√£o tenham car√°cter assassino – do que viver sem religi√£o. O homem sempre teve necessidade de um freio e, por rid√≠culo que fosse sacrificar aos faunos, aos silvanos ou √†s n√°iades, era mais razo√°vel e mais √ļtil adorar essas imagens fant√°sticas da Divindade do que entregar-se ao ate√≠smo. Um ateu que fosse razoador, violento e poderoso, seria um flagelo t√£o funesto como um supersticioso sanguin√°rio.
Quando os homens n√£o disp√Ķem de s√£s no√ß√Ķes acerca da Divindade, as ideias falsas suprem-lhes a falta, tal como nos tempos de desgra√ßa se fazem neg√≥cios com moeda falsa quando falta a moeda boa. O pag√£o, se cometia um crime, temia ser punido pelos seus falsos deuses; o malabar teme ser punido pelo seu pagode. Em todo o lado onde h√° uma sociedade estabelecida, √© necess√°ria uma religi√£o. As leis exercem vigil√Ęncia sobre os crimes conhecidos, a religi√£o exerce-a sobre os crimes secretos.
Mas, a partir do momento em que os homens chegam a abra√ßar uma religi√£o pura e santa, a supersti√ß√£o torna-se n√£o apenas in√ļtil,

Continue lendo…

Pode-se usar qualquer teoria para explicar o mundo e a natureza ‚Äď do big-bang √† teoria da evolu√ß√£o biol√≥gica -, mas nenhuma delas pode incluir o ‚Äúnada‚ÄĚ ou o ‚Äúv√°cuo existencial‚ÄĚ na origem. Em algum momento da cadeia de indaga√ß√Ķes, Deus ‚Äď ou o nome que se queira dar a ele ‚Äď tem de aparecer. S√≥ n√£o aparecer√° se a sequ√™ncia de perguntas for interrompida, seja pelo ate√≠smo, pelo preconceito, seja, principalmente, pela dificuldade de expandir a arte da d√ļvida e o mundo das ideias.

Um pouco de filosofia leva a mente humana ao ateísmo, mas a profundidade da filosofia leva-a para a religião.

Um pouco de filosofia inclina o homem ao ateísmo. Profunda filosofia faz retornar o homem à religião.

Ent√£o… eu n√£o creio em Deus?! Quem te disse isto? Puseste-me na mesma roda dos singulares infelizes, que usam o ate√≠smo como usam de gravatas ‚ÄĒ por chic, e para se darem ares de s√°bios… N√£o.

Um gr√£o de filosofia disp√Ķe ao ate√≠smo; muita filosofia reconduz √† religi√£o.

O catolicismo é uma religião da panaceia, como o ateísmo ou o livre pensamento é uma ilusão da farmácia.

Se o ateísmo se propagasse, tornar-se-ia uma religião tão intolerável como as antigas.