Cita├ž├úo de

A Fraqueza do Idealismo

A arte idealista esquece que h├í no homem – nervos, fatalidades heredit├írias, sujei├ž├Áes ├ás influ├¬ncias determinantes de hora, alimento, atmosfera, etc; irresist├şveis teimas f├şsicas, tend├¬ncias de carnalidade fatais; resultantes l├│gicas de educa├ž├úo; ac├ž├Áes determinantes ao meio, etc,etc; a arte convencional, enfim, mutila o homem moral – como a ci├¬ncia convencional mutila o homem f├şsico; s├úo ambas aprovadas pelos Monsenhores arcebispos de Paris e dadas em leitura nos col├ęgios; mas uma ensina falso, como a outra educa falso: ambas nocivas portanto.