Cita√ß√Ķes sobre Impacto

16 resultados
Frases sobre impacto, poemas sobre impacto e outras cita√ß√Ķes sobre impacto para ler e compartilhar. Leia as melhores cita√ß√Ķes em Poetris.

Estamos Todos Ligados

Estamos todos ligados. Seja em que dimens√£o for, somos todos respons√°veis uns pelos outros e essa √© a primeira premissa para se descobrir a divindade que h√° em n√≥s. Temos todos o mesmo dever, ser felizes e inspirar atrav√©s dessa felicidade. Temos todos a mesma capacidade, mudar. Temos todos o mesmo poder, amar. E todas as nossas a√ß√Ķes, independentemente da energia com que s√£o feitas, v√£o gerar tomadas de consci√™ncia, v√£o semear a mudan√ßa e v√£o seguramente brotar de muitos cora√ß√Ķes aut√™nticas centelhas de compaix√£o e amor. Nada do que possamos fazer √© indiferente e tudo o que temos feito at√© hoje, queiramos ou n√£o, tem tido um enorme impacto em n√≥s, naqueles que nos rodeiam e no todo onde todos habitamos. Sejamos respons√°veis. Sejamos divinos.

Trinta anos atr√°s, ningu√©m poderia ter previsto o imenso impacto da Guerra do Vietn√£, de duas crises do petr√≥leo, da ren√ļncia de um presidente, da dissolu√ß√£o da Uni√£o Sovi√©tica (…). Diferentes choques ocorrer√£o nos pr√≥ximos 30 anos. N√£o tentaremos prev√™-los, nem lucrar com eles.

A Memória

A mem√≥ria √© essa claridade fict√≠cia das sobreposi√ß√Ķes que se anulam. O significado √© essa esp√©cie de mapa das interpreta√ß√Ķes que se cruzam como cicatrizes de sucessivas pancadas. Os nossos sentimentos. A intensidade do sentir √© intoler√°vel. Do sentir ao sentido do sentido ao significado: o que resta √© impacto que substitui impacto ‚ÄĒ eis a inven√ß√£o.

Basta umas Palavrinhas

Sentir-se amada, inclu√≠da, admirada, reconhecida, lembrada, toca as ra√≠zes da emo√ß√£o tanto de uma intelectual como de um iletrado, tanto de uma rainha como de um s√ļbdito. Nem mesmo um psiquiatra ou um paciente mutilado por uma psicose e controlado por pensamentos perturbadores escapa a essas necessidades vitais.

Basta umas palavrinhas para nos emocionarmos ou nos magoarmos. Um simples olhar √© o suficiente para ficarmos encantados ou dececionados. Um beijo pode ter mais impacto do que um grande pr√©mio. Um abra√ßo pode ser mais lembrado do que um aumento de ordenado. ¬ęEu aposto em ti! N√£o desistas, conta comigo!¬Ľ, ¬ęPodes superar-te!¬Ľ, pequenas frases como estas ditas em tempos dif√≠ceis tornam-se inesquec√≠veis, mudam rotas, renovam √Ęnimos. As nossas rea√ß√Ķes podem ser mais penetrantes do que um proj√©til.

Nem mesmo os amigos têm um impacto semelhante ao dos inimigos. Se lutar constantemente contra alguém, será influenciado por ele, porque terá de usar as mesmas técnicas para lutar contra ele.

Génio, Talento e Celebridade

Pode-se supor que a presen√ßa no mesmo homem de mais de um elemento intelectual facilitaria a sua imediata celebridade. At√© certo limite √© assim, mas o √© at√© um limite menor do que se poderia conjecturar na ociosidade da hip√≥tese. Um homem dotado ao mesmo tempo de grande g√©nio e de grande intelig√™ncia (como Shakespeare), ou de grande g√©nio e grande talento (como Milton), n√£o acumula na sua √©poca ou na seguinte os resultados do g√©nio e os resultados de outra qualidade. √Č que estes diferentes elementos intelectuais est√£o misturados por coexistirem no homem, e derrama-se na subst√Ęncia da intelig√™ncia ou do talento o sagrado veneno do g√©nio; a bebida √© amarga, embora retenha algo do seu gosto comum. Os antigos misturavam mel com vinho e achavam isso gostoso; mas o n√©ctar n√£o pode fazer qualquer vinho gostoso ao paladar da gente comum.
Um homem que pudesse ter em si pr√≥prio, em certo grau, g√©nio, talento e intelig√™ncia, estaria preparado para produzir impacto no seu tempo pela sua intelig√™ncia, na sua √©poca pelo seu talento e na generalidade dos futuros tempos e √©pocas pelo seu g√©nio. Mas como o seu g√©nio afectaria o seu talento e o seu talento e o seu g√©nio a sua intelig√™ncia –

Continue lendo…

Expulsar Alguém das Nossas Vidas

Agora, uma quest√£o importante: por favor, n√£o tenhas pena de excluir, temporariamente ou definitivamente, seja quem for da tua vida. Esse sintoma pode relegar a tua vida para uma constante e generalizada insatisfa√ß√£o. √Č o pior que podes fazer, pois al√©m de n√£o te comprometeres com aquilo que verdadeiramente desejas e n√£o te permitires caminhar com os bons, tamb√©m n√£o consentes que os outros sintam o verdadeiro impacto que os seus padr√Ķes de comportamento t√™m e, como tal, n√£o os excluindo estar√°s a dizer √†s suas mentes que podem continuar a agir assim pois nada perdem com isso. A tua pena matar-te-√°.

Recordo-me do magn√≠fico efeito que algumas expuls√Ķes tempor√°rias tiveram na minha vida. Lembro-me de respirar melhor, pois abandonara as vozes que me cobravam e culpavam, mas lembro-me tamb√©m da reconcilia√ß√£o e de testemunhar na primeira pessoa a mudan√ßa inerente ao afastamento. Expulsar algu√©m das nossas vidas representa n√£o s√≥ um brilhante manifesto de poder pessoal como tamb√©m, e muitas vezes, a oportunidade necess√°ria para fazer o outro repensar a sua forma de estar, apurar os seus valores e perceber o que o motivava a agir daquela maneira. N√£o tenhas pena, ama-te e permite, ainda que doa,

Continue lendo…

Para mim o que me causa mais impacto ao trabalhar com a memória para escrever é descobrir-se duas coisas: que uma pessoa recorda muito mais do que pensava e que recorda coisas que julgava completamente esquecidas.

O conhecimento é uma ferramenta, e como todas as ferramentas, o seu impacto está nas mãos de quem o usa.

Muitas vezes o que se cala faz maior impacto do que o que se diz.

N√£o Ser√° Tempo de Voltarmos aos Sentidos?

N√£o somos apenas o nosso corpo, estamos tamb√©m integrados num corpus social, que solicita, expande e reprime a nossa sensibilidade. Basta ouvir aquele que foi o maior te√≥rico da comunica√ß√£o do s√©culo XX, Marshall McLuhan, para perceber at√© que ponto isso √© aproveitado pela sociedade de comunica√ß√£o global, para quem o indiv√≠duo passa a ser uma presa. O que diz McLuhan sobre a televis√£o, por exemplo, √© imensamente elucidativo: ¬ęUm dos efeitos da televis√£o √© retirar a identidade pessoal. S√≥ por ver televis√£o, as pessoas tornam-se num grupo coletivo de iguais. Perdem o interesse pela singularidade pessoal.¬Ľ Se repararmos, os meios que lideram a comunica√ß√£o humana contempor√Ęnea (da televis√£o ao telefone, do e-mail √†s redes sociais) interagem apenas com aqueles dos nossos sentidos que captam sinais √† dist√Ęncia: fundamentalmente a vis√£o e a audi√ß√£o. Origina-se assim uma descontrolada hipertrofia dos olhos e ouvidos, sobre os quais passa a recair toda a responsabilidade pela participa√ß√£o no real. ¬ęViste aquilo?¬Ľ, ¬ęj√° ouviste a √ļltima do…¬Ľ: os nossos quotidianos s√£o continuamente bombardeados pela press√£o do ver e do ouvir. O mesmo se passa com a locomo√ß√£o: seja a pilotar um avi√£o, a conduzir um autom√≥vel, ou seja o pe√£o a deslocar-se nas art√©rias das cidades modernas,

Continue lendo…

Todos nós, homens e mulheres, não somos, de facto, tão diferentes, senão aquilo que escrevemos ou pintamos não teria nenhum impacto nos outros.

Os Livros Estão Sempre Sós

Os livros est√£o sempre s√≥s. Como n√≥s. Sofrem o terr√≠vel impacto do presente. Como n√≥s. T√™m o dom de consolar, divertir, ferir, queimar. Como n√≥s. Calam a sua f√ļria com a sua farsa. Como n√≥s. T√™m fachadas lisas ou n√£o. Como n√≥s. Formosas, delirantes, horrorosas. Como n√≥s. Est√£o ali sendo entretanto. Como n√≥s. No limiar do esquecimento. Como n√≥s. Cheios de submiss√£o ao servi√ßo do imposs√≠vel. Como n√≥s.

A prioridade é sermos honestos connosco. Nunca poderemos ter um impacto na sociedade se não nos mudarmos primeiro. Os grandes pacificadores são todos gente de grande integridade e honestidade mas, também, de humildade.