Frases sobre Passado

355 resultados
Frases de passado escritos por poetas consagrados, filósofos e outros autores famosos. Conheça estes e outros temas em Poetris.

Quando somos capazes de reconhecer e perdoar os atos de ignor√Ęncia cometidos no passado, n√≥s nos fortificamos e nos colocamos √† altura de resolver de maneira construtiva os problemas do presente.

O passado é uma cortina de vidro. Felizes os que observam o passado para poder caminhar no futuro.

Esse negócio de centenário eu acho ridículo. O importante é a vida, o passado e principalmente o presente. A arquitetura é secundário.

O ciumento sempre espiona, sempre duvida, sempre sofre; indaga do passado, do presente, do futuro; nas carícias busca a mentira; no beijo procura a indiferença; no amor teme a hipocrisia.

√Č nas velhas casas, onde parece flutuar ainda a penumbra dourada do passado, que se recebe, mais perdur√°vel e mais viva, a impress√£o da fam√≠lia e do lar.

Quando algu√©m falar que voc√™ devia ter feito algo diferente no passado, responda:Se voc√™ puder me arranjar uma passagem de ida e volta para o tempo de que est√° falando, terei prazer em fazer o que diz que eu devia ter feito. Mas se n√£o puder…

O passado é totalmente imaterial, e perdido. Não existe mais, mesmo sendo indestrutível. O que existe é uma reconstrução constante de uma memória efêmera.

O nosso mundo esquece √†s vezes o valor especial do tempo passado junto ao leito dos doentes, porque somos avassalados pela pressa, pelo frenesim do fazer, do produzir, e nos esquecemos da dimens√£o da gratuitidade, de tomar conta. No fundo, por tr√°s desta atitude est√° com frequ√™ncia uma f√© morna, que esqueceu aquela palavra do Senhor que diz: ¬ęA mim mesmo o fizestes¬Ľ (Mateus 25:40).

Por muito que se goste de chorar o passado ou preferir o presente, a Hist√≥ria demonstra, em tra√ßos largos, que o futuro √© sempre melhor para a maioria das pessoas. A sensa√ß√£o do dia-a-dia de estar tudo cada vez pior perde sempre quando √© comparada com as condi√ß√Ķes h√° apenas um s√©culo atr√°s. Nem √© preciso recuar no tempo – basta ver a facilidade com que se morre nos pa√≠ses muito mais pobres do que o nosso, que s√£o muito mais do que metade dos que existem. Nos mais pobres, a expectativa m√©dia de vida √© igual √† nossa h√° dois s√©culos atr√°s.

Nada é menos do que o momento presente, se entendermos por isso o indizível instante que separa o passado do futuro.