Frases sobre Quatro

65 resultados
Frases de quatro escritos por poetas consagrados, filósofos e outros autores famosos. Conheça estes e outros temas em Poetris.

Chega sempre um momento na história em que quem se atreve a dizer que dois e dois são quatro é condenado à morte.

Chuang Tzu nasceu quatro séculos antes de Cristo; a publicação do seu livro em inglês, dois mil anos depois da sua morte, foi evidentemente prematura.

Por que escovar os dentes quatro vezes ao dia e fazer sexo duas vezes por semana? Por que n√£o o contr√°rio?

Tenho é a sorte de possuir três ou quatro amigos fiéis. Se as pessoas vêem nisso uma corte, terei de considerar uma tal interpretação com frustração de quem não os tem. Eu tenho. E devo dizer que também faço tudo por isso, porque me esforço por retribuir a amizade que recebo.

Para mim é um fato que, se todos os homens soubessem o que os outros dizem deles, não haveria quatro amigos no mundo. Isto resulta das contendas, que referências indiscretas ocasionalmente originam.

A pluralidade e a maior ou menor exactid√£o das not√≠cias, em grande parte contribu√≠das pelo desejo um pouco m√≥rbido de correspondentes e de p√ļblico de se referir ao que de mais tr√°gico sucede no mundo, veio mostrar como na realidade, e se excluirmos tr√™s ou quatro pontos onde, se n√£o pesquisarmos muito, uma certa luz existe, o resto do globo √© uma esp√©cie de selva onde campeiam √† vontade mis√©ria, fome, doen√ßa e, como mais terr√≠vel de todos os males, o desespero.

A foto-retrato √© um campo cerrado de for√ßas. Quatro imagin√°rios a√≠ se cruzam… diante da objetiva, sou ao mesmo tempo, aquele que a fotografia me julga e aquele de que se serve para exibir sua arte.

Esta velha humanidade, tudo quanto seja acreditar que dois e dois s√£o quatro, quatro e quatro, oito, e oito e oito, dezasseis, muito bem e sem nenhuma prova; agora quando lhe dizem que h√° gente que morre pela sua verdade, √© preciso mostrar-lhe S√≥crates a beber a cicuta, Cat√£o com a espada enterrada no ventre, Cristo pregado na cruz, ‚ÄĒ e nem assim.

Fim de estação. Eu continuei a viagem Para além do fim da estação. Quantos eram? Quatro, Cinco, poucos mais. Casas, caminhos, nuvens, Enseadas azuis, montanhas Abrem as suas portas

Eu só sei falar dentro de quatro paredes e um telhado; ao ar livre, principalmente em frente ao mar, sou Guilherme, o Taciturno.

(No Alentejo) anda-se quatro ou cinco l√©guas sem ver uma s√≥ alma e h√° uma enorme quantidade de terra sem cultura. (…) √Č preciso um dia pensar seriamente nisto.

Como dois e dois s√£o quatro
sei que a vida vale a pena
embora o p√£o seja caro
e a liberdade pequena
Como teus olhos s√£o claros
e a tua pele, morena
como é azul o oceano
e a lagoa, serena

As palavras são, como se diz em pintura, valores: para produzir, pois, um certo efeito de força ou de graça, o caso não está em ter muitos valores, mas em saber agrupar bem os três ou quatro que são necessários.

Quem fala de Amor não ama verdadeiramente: talvez deseje, talvez possua, talvez esteja realizando uma óptima obra literária, mas realmente não ama; só a conquista do vulgar é pelo vulgar apregoado aos quatro ventos; quando se ama, em silêncio se ama.

A sociedade tem quatro variedades: os amantes, os ambiciosos, os observadores e os loucos. Estes s√£o os mais felizes.

Para cada mulher, a popula√ß√£o feminina √© um ex√©rcito de rivais. Os homens s√£o mais cobardes ‚Äď n√£o aguentam mais do que quatro ou cinco rivais. As mulheres podem com a terra toda.