Passagens sobre Verdade

2286 resultados
Frases sobre verdade, poemas sobre verdade e outras passagens sobre verdade para ler e compartilhar. Leia as melhores citações em Poetris.

É que a verdade não se pode exagerar. Na verdade, não pode haver matizes. Na semiverdade ou na mentira, muitos.

O que se pode dizer sobre o amor? Tudo o que se disser estará sempre errado. Na verdade, quando uma pessoa está apaixonada, nem sequer diz «Amo-te», por parecer ínfimo quando comparado com a grandeza daquilo que está a sentir. Na minha opinião, as pessoas só dizem «Amo-te» quando o amor desaparece.

Escrevias pela Noite Fora

Escrevias pela noite fora. Olhava-te, olhava
o que ia ficando nas pausas entre cada
sorriso. Por ti mudei a razão das coisas,
faz de conta que não sei as coisas que não queres
que saiba, acabei por te pensar com crianças
à volta. Agora há prédios onde havia
laranjeiras e romãs no chão e as palavras
nem o sabem dizer, apenas apontam a rua
que foi comum, o quarto estreito. Um livro
é suficiente neste passeio. Quando não escreves
estás a ler e ao lado das árvores o silêncio
é maior. Decerto te digo o que penso
baixando a cabeça e tu respondes sempre
com a cabeça inclinada e o fumo suspenso
no ar. As verdades nunca se disseram. Queria
prender-te, tornar a perder-te, achar-te
assim por acaso no meu dia livre a meio
da semana. Mantêm-se as causas iguais
das pequenas alegrias, longe da alegria, a rotina
dos sorrisos vem de nenhum vício. Este abandono
custa. Porque estou contigo e me deixas
a tua imagem passa pelas noites sem sono,
está aqui a cadeira em que te sentaste
a escrever lendo.

Continue lendo…

Os casos mais problemáticos são de pessoas que dizem: ‘É muito trabalhoso buscar a Verdade através da leitura de A Verdade da Vida ou outras publicações da Seicho-No-Ie. Não faço questão de conhecer a Verdade, mas quero me curar’. Isso porque conhecer a Verdade e curar-se são a mesma coisa; não conhecer a Verdade e estar enfermo também são a mesma coisa.

Na verdade, não existe outro ‘eu’ além do ‘Eu eterno’, infinitamente belo, sublime e perfeito. O ‘eu’ que se apega à matéria e sofre é o ‘falso eu’. Mas isso não significa que o ‘falso eu’ seja uma existência real. Dizer que o ‘falso eu’ está manifestado, significa que o ‘Eu verdadeiro’ se encontra ausente.

Quando Deus nos encaminha àquilo que temos capacidade de amar com maior verdade, está nos encaminhando a ele próprio.

Mesmo que envolvamos um diamante com lama e imundícies, ele próprio não se macula. O diamante permanece limpo e puro sob a sujeira. O que está sujo é apenas a sujeira. Assim também é a essência espiritual do ser humano: por mais que o homem se envolva com pecados, jamais fica maculado; apenas encobre sua natureza verdadeira. É isto que queremos dizer quando afirmamos que ‘neste mundo não há um pecador sequer’. Na verdade, o que é pecaminoso é unicamente o pecado e não o ser verdadeiro, isento de pecado.

Amar é sorrir por nada e ficar triste sem motivos, é sentir-se só no meio da multidão, é o ciúme sem sentido, é ser feliz de verdade

Usar de polidez é uma tarefa difícil, pois exige que testemunhemos grande consideração por todas as pessoas, enquanto a maior parte delas não merece nenhuma; ademais, precisamos simular o mais vivo interesse por elas, quando em verdade temos de estar contentes por não o sentirmos. Unir polidez com orgulho é uma obra-prima.