Frases sobre Tédio

92 resultados
Frases de tédio escritos por poetas consagrados, filósofos e outros autores famosos. Conheça estes e outros temas em Poetris.

A razão pela qual as cabeças limitadas são tão propensas ao tédio provém do facto de que o seu intelecto nada mais ser senão o «intermediário dos motivos» para a vontade. Se não existirem motivos para serem levados em conta, então a vontade repousa e o intelecto folga; pois este, tão pouco quanto aquela, não entra em actividade por si próprio.

De facto, exteriormente, a necessidade e a privação geram a dor; em contrapartida, a segurança e a abundância geram o tédio.

Os críticos sofrem de saturação e de tédio intelectual. Nada é mais falso que o ar de frescura e de juventude que eles assumem, fazendo crer que a leitura ainda lhes pode dar sensações verdadeiras.

É por isso que tomo ópio, é um remédio. Sou um convalescente do momento, moro no Rés do chão do pensamento e ver passar a vida faz-me tédio.

Supercérbro: Encaro cada dia como um novo mundo. Tomo atenção para não cair em maus hábitos, e se algum se instala, com facilidade lhe ponho fim. Gosto de improvisar. Abomino o tédio, que para mim significa repetição. Deixo-me atrair por coisas novas em muitas áreas da minha vida.

(…) Cada um se lança à vida, sofrendo da ânsia do futuro e do tédio do presente.

O tédio é a convicção de que não podes mudar… o grito das capacidades não utilizadas.

O homem que sabe ler fala com os ausentes e mantém vivos os que já morreram. Comunica-se com o universo – não conhece o tédio – viaja – ilude-se. Mas quem lê e não sabe escrever é mudo.

Aborreço-me da possibilidade de vida eterna; o tédio de viver sempre deve ser imenso. Talvez o inferno seja isso.

Não é o tédio a doença do aborrecimento de nada ter que fazer, mas a doença maior de se sentir que não vale a pena fazer nada.