Frases sobre Aparência

96 resultados
Frases de aparência escritos por poetas consagrados, filósofos e outros autores famosos. Conheça estes e outros temas em Poetris.

O que o poeta faz é mais do que dar nome às coisas. O que ele faz é converter as coisas em aparência pura. O que o poeta faz é iluminar as coisas.

Em Moçambique não é preciso ser rico. O essencial é parecer rico. Entre parecer e ser vai menos que um passo, a diferença entre um tropeço e uma trapaça. No nosso caso, a aparência é que faz a essência. Daí que a empresa comece pela fachada, o empresário de sucesso comece pelo sucesso da sua viatura, a felicidade do casamento se faça pela dimensão da festa.

A aparência das virtudes é muito mais sedutora do que as próprias virtudes, e quem se vangloria de as possuir tem grande vantagem sobre quem realmente as possui.

Quem espera o reconhecimento da multidão vive num plano onde nada é o que parece, nem mesmo a admiração. Para a multidão, hoje, as aparências valem muito mais do que a verdade.

Do que adianta namorar, se for pra trair? Do que adianta aparência, se não houver caráter? Do que adianta um sorriso se for falso?

O fato de continuarmos a pensar que uma determinada coisa não é errada dá-nos uma aparência superficial de estarmos certos.

Para a forma√ß√£o da consci√™ncia p√ļblica, para a cria√ß√£o de determinado ambiente, dada a aus√™ncia de esp√≠rito cr√≠tico ou a dificuldade de averigua√ß√£o individual, a apar√™ncia vale a realidade, ou seja: a apar√™ncia √© uma realidade pol√≠tica.

A paciência é a mais heróica das virtudes, justamente por não ter nenhuma aparência heróica.

Oran, na aparência, é uma cidade que não pensa, isto é, uma cidade perfeitamente moderna.

N√£o diferimos uns dos outros sen√£o pelos acess√≥rios – pelo vestu√°rio, pelas maneiras, tom de voz, opini√Ķes religiosas, apar√™ncia pessoal, alguns h√°bitos e outras coisas do mesmo g√©nero.

Há os cristãos só de aparência: pessoas que se disfarçam de cristãos e nos momentos da verdade só têm maquilhagem. E nós sabemos o que acontece a uma mulher quando vai na rua e vem a chuva e não tem sombrinha: cai tudo e as aparências acabam por terra.

As coisas não são observadas pelo que são, mas pelo que parecem. São raros os que olham por dentro e muitos os que se contentam com as aparências. Não basta ter razão se a ação tem má aparência.

Sempre se admitiu que a poesia participava do divino porque eleva e arma o espírito submetendo a aparência das coisas aos desejos da alma, enquanto a razão constrange e submete o espírito à natureza das coisas.