Frases sobre Estado

295 resultados
Frases de estado escritos por poetas consagrados, filósofos e outros autores famosos. Conheça estes e outros temas em Poetris.

Sou contra a educação como processo exclusivo de formação de uma elite, mantendo a grande maioria da população em estado de analfabetismo e ignorância.

Mesmo que estejas doente, não deves manter remédios e aparelhos terapêuticos à cabeceira de tua cama. Na medida do possível, procura manter a aparência de quem não está doente, pois assim te curarás mais depressa. Contudo, não deves forçar-te a fazer coisas que teu estado não permite.

O Estado existe para realizar o que é útil. O indivíduo para realizar o que é belo.

Aquilo que provamos quando estamos apaixonados talvez seja o nosso estado normal. O amor mostra ao homem como é que ele deveria ser sempre.

Não faz sentido olhar para trás e pensar: devia ter feito isso ou aquilo, devia ter estado lá. Isso não importa. Vamos inventar o amanhã, e parar de nos preocupar com o passado.

O presente regime, tão contente consigo mesmo e tão confiante do futuro, não é mais que uma versão empobrecida, sem império, da arrogância absurda do Estado Novo. Ambos são aritméticos, solitários, triunfalistas.

Numa Europa incapaz de questionar-se a si própria, a postura hoje mais comum é a de uma resignação que tocou o fundo. Escusado será dizer que nenhum estado de espírito poderia convir melhor a um projecto imperial alemão que deixou de dar-se ao trabalho de se disfarçar: ainda o jogo ia no princípio, e já o tínhamos perdido…

Eu sempre quis atingir um estado de paz e de não-luta. Eu pensava que era o estado ideal. Mas acontece que – que sou eu sem a minha luta? Não, não sei ter paz.

O Estado deverá garantir suficiente capacidade humana, técnica e financeira para poder intervir como investidor, realizando projectos de grande dimensão em sectores estratégicos da actividade económica nacional.

Há apenas dois tipos de estado de alma constante em que a vida vale a pena ser vivida – com a nobre alegria de ter uma religião, ou com a nobre tristeza de se ter perdido uma.